Capítulo oitenta e quatro: Festa da chave